Começa hoje prazo para participar da lista de espera do Sisu

E, a partir de amanhã, 12 de junho, estudantes selecionados devem fazer matrícula nas instituições

11/06/2019 - Notícias

Sisu: inscrições para lista de espera vão de 11 a 17 de junho (Imagem: Ministério da Educação)
Sisu: inscrições para lista de espera vão de 11 a 17 de junho (Imagem: Ministério da Educação)
Começa hoje (11/06) o prazo para participar da lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do segundo semestre de 2019. A adesão pode ser feita na internet, pelo portal do Sisu (http://sisu.mec.gov.br) até domingo (17/06).
 
Podem integrar a lista de espera os candidatos que não foram selecionados na chamada regular em nenhuma das duas opções de curso feitas na hora da inscrição. O estudante poderá manifestar interesse para a primeira ou segunda opção de curso.
 
O candidato deve acessar o sistema e, em seu boletim, clicar no botão que corresponde à confirmação de interesse em participar da lista de espera do Sisu. Ao finalizar, o sistema emitirá uma mensagem de confirmação.
 
Os estudantes serão convocados a partir do dia 19. A convocação para a matrícula será feita pelas próprias instituições de ensino. Nessa etapa, caberá aos próprios candidatos acompanharem a convocação junto à instituição na qual estiverem pleiteando uma vaga.
 
Resultado
 
O resultado da chamada única do Sisu foi divulgado ontem (10/06) e está disponível também no site do programa. A partir de amanhã (12/06) até o dia 17/06, os estudantes selecionados devem fazer a matrícula nas instituições.
 
Cabe aos candidatos verificar os dias, horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em seu edital próprio. As vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para os estudantes em lista de espera.
 
Sisu 2019
 
O Sisu oferece vagas em instituições públicas de ensino superior. A seleção é feita com base no desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018. Para participar, é preciso ter obtido nota acima de zero na redação do exame. Nesta edição do programa, 640.205 estudantes se inscreveram, de acordo com balanço divulgado pelo MEC.


Informações: Agência Brasil